Sexta-feira, 17 de Junho de 2005

Acordo UE/China

Indústria têxtil recebe acordo UE/China de braços abertos


“O acordo concluído a 10 de Junho, durante uma deslocação do comissário europeu do Comércio, Peter Mandelson, a Xangai, foi considerado pela Associação Têxtil e Vestuário de Portugal como “uma incontestável vitória do associativismo têxtil nacional, e também europeu e mundial”.


Também em comunicado a União francesa das Indústrias de Vestuário (UFIH) qualificou o acordo de “positivo” e sublinhou que a “auto-limitação para os anos de 2005, 2006 e 2007, numa progressão anual de cerca de 10%, aceite pela China, para as categorias de vestuário mais sensíveis, é um avanço positivo nas relações comerciais entre a UE e a China”.(...)


Este acordo não significa, porém, que a Comissão Europeia pode – ou vai – baixar os braços. A ATP alerta que “é necessário permanecer vigilante no cumprimento do acordo, pois a China é um interlocutor difícil e o histórico relacionamento não é o mais edificante”. Por isso a associação portuguesa recomenda que é necessário verificar se “esta auto-limitação das exportações para a Europa não será seguida de procedimentos de ‘transhipment’ a partir de outros países, mantendo-se dessa forma e, por outros expedientes, o crescimento descontrolado dos fluxos de mercadoria, que efectivamente são oriundos da indústria chinesa”.


Além disso, o acordo contempla apenas dez categorias e de fora estão outras de grande sensibilidade para a indústria têxtil nacional, pelo que a ATP recomenda que as autoridades europeias pressionem a celebração de novos convénios ou a extensão do presente a outras categorias.


Principais pontos do acordo



  • O acordo cobre dez das 35 categorias têxteis chinesas liberalizadas a 1 de Janeiro;

  • A UE aceita pôr fim às investigações em curso sobre estas categorias;

  • O acordo limita o crescimento das exportações das dez categorias entre 8% e 12,5% ao ano para 2005, 2006 e 2007. Estes níveis serão calculados com base nos níveis de dois ou três meses após a eliminação das quotas;

  • Para as categorias não contempladas e para 2008 a UE vai levar a cabo acções para restringir as exportações de acordo com o artigo 242 do protocolo de adesão da China; - Os dois lados estão sempre prontos a discutir qualquer aspecto relacionado com a implementação do acordo;

  • O acordo terá de ser aprovado pelos Estados-membro e pelas autoridades chinesas competentes. No entanto, este não é o único sector que ameaça os mercados mundiais, sendo que o calçado e as bicicletas parecem ser os produtos que se seguem. Bruxelas demonstrou a sua preocupação com o crescimento de quase 700% nas exportações de calçado desde Janeiro.(...)”





 http://www.diarioeconomico.com/edicion/noticia/0,2458,642853,00.html






É também com algum contentamento que assisto a tal acordo de limitação, pois sem o mesmo Portugal era dos países mais afectados com a liberalização do mercado para com a China, sendo prejudicado mais gravemente na produção de t-shirts, onde a exportação chinesa aumentou cerca de 187%, apenas no 1º trimestre deste ano (2005), em Portugal verifica-se uma quebra de produção de 30 a 50% em relação a t-shirts, pois é sabido que o mercado português de têxteis é ainda bastante frágil.


 


Contudo, com este acordo apenas atenua esta situação, na minha opinião pessoal, o mais eficaz seria cancelar os acordos com o “monstro chinês”, porém este é um ponto positivo para a UE, contudo tardio, pois um dos objectivos da UE é defender os interesses dos estados-menbros, e tal objectivo foi cumprido um pouco tarde...


 


Devemos optar pelo que é de maior qualidade (o têxtil nacional, diga-se português, é de maior qualidade que o têxtil chinês).


Devemos defender os têxteis nacionais, o produto Português!


Portugal Sempre!

publicado por SSoldado_Lusitano às 21:32
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Sugestões de Leste

. Algo mais...

. Reparos

. A Droga e o Governo

. Espaço Xenofobia

. Consequência

. Bom Ambiente

. Manifestações

. Um País anestesiado

. “Navegar é preciso”

.arquivos

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds