Segunda-feira, 21 de Novembro de 2005

Ota

aeroporto_ota.jpgOponho-me á construção do aeroporto da Ota, pois a construção do mesmo, irá trazer bastante mão-de-obra estrangeira, (talvez clandestina), logo Portugal não beneficiará nada.


 


Trará imigrantes que após a construção do aeroporto talvez não regressassem aos seus países.


 


O que pioraria a onda de desemprego, e consequente aumento da criminalidade.


 


Isto, faria com que a principal promessa de Sócrates (os 150.000 postos de trabalho), fosse cumprida mas...


 


...seriam ocupados por imigrantes.


 


Seria então mais um fardo para Portugal.


 


Esta é a minha oposição á construção do aeroporto na Ota, é certo que reduzia o tráfego ao aeroporto de Lisboa, mas traria consigo mais imigrantes, bem como continuaram portugueses desempregados, (bem como mais poluição).


 


Mas talvez esses portugueses desempregados, não queiram trabalhar na construção do aeroporto. Não será porque são mal pagos? Não será porque "trabalhar nas obras" em Portugal, é visto com desdenho?


 


...uma mudança de mentalidade, e melhores condições para os que "trabalham nas obras"...


 


Contudo será assim tão importante e viável o aeroporto da Ota? Enquanto os hospitais estão lotados? Enquanto são poucas as escolas que têm condições? Enquanto os jovens de hoje não sabem se terão direito a reforma (visto o défice da Segurança Social)


 


O objectivo da Ota é trazer turismo? E esse turismo beneficiaria Portugal?


 


ota_30.jpg Há que haver desenvolvimento... mas um desenvolvimento sustentável.

</blockquote>
publicado por SSoldado_Lusitano às 19:10
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Leonor a 29 de Novembro de 2005 às 20:54
Boa noite Soldado Lusitano.

Pois bem nacionalistas somos todos, uns mais outros menos.

Caro "Um português farto de imigração" eu leio várias vezes este blog, é um blog interessante. Nacionalista é certo mas do que tenho lido não me parece que haja aqui o que quer que seja de nazi ou de extrema direita, há muito é de boas razões para defendermos o que é português.

Não penso estar enganada a este respeito.
De Um portugus farto de imigrao a 29 de Novembro de 2005 às 00:48
Tem toda a razão quanto à imigração. Eu não me considero um nacionalista ferrenho e não tenho simpatia nenhuma por fascismos, mas quanto à questão da imigração estou completamente de acordo com os movimentos de extrema-direita. Aliás, acho que vocês quando organizassem manifestações anti-imigração deviam fazê-lo "à paisana" (sem o look neo-nazi). Estou convencido que muitos milhares de portugueses iriam participar. T~em de entender que um grande número de portugueses gostariam de ter participado na manif do martim Moniz, mas não o fizeram por ter skins...
De Douglas P a 25 de Novembro de 2005 às 12:08
Caro SSoldado Lusitano,

Passa no meu blog e divulga o Movimento 560.
É um movimento que promove a PRODUÇÃO NACIONAL e os PRODUTOS NACIONAIS!

http://allpigsmustdie.blogspot.com
De MR TEORIAS PARVAS a 24 de Novembro de 2005 às 18:17
Sent: quarta-feira, 23 de Novembro de 2005 17:33
To: 'mail@manuelalegre.com'; 'candidatura@cavacosilva.pt'; 'bloco.esquerda@bloco.org'; 'gp_pcp@pcp.parlamento.pt'; 'p.europeu.lx@pcp.pt'; 'sindical@pcp.pt'; 'mail@jcp-pt.org'; 'mariosoares@mariosores.net'; 'portal@ps.pt'; 'psd@psd.pt'; 'tsdnacional@netcabo.pt'; 'queroumemprego@jsd.pt'; 'cds-pp@cds.pt'; 'contacto@siconline.pt'; 'sicinternacional@siconline.pt'; 'geral@rtp.pt'; 'geral@rdp.pt'; 'redaccao@tvi.pt'; 'geral@tvi.pt'


CAROS POLITICOS AO MENOS LEIAM


Querem soluções, aquelas que ninguêm tem coragem de tomar, ou de sequer falar em televisão, mas que acredito que pelo menos, algumas delas já pensaram de certeza??

1º Impostos ->

1.1 - Legalizam a prostituição, o correio da manhã tinha um artigo no mês passado, onde fazia as contas ao dinheiro gasto pelos portugueses com as meninas, elas que passem recibo, com ou sem numero de contribuinte, elas que tenham sistema de saúde, que façam os seus descontos... não passavam todas??? Certamente que não, mas as poucas que passavam, já era algum que entrava.

1.2 - Queixam-se que a culpa é nossa, do povo, por não pedirmos facturas?? Pois bem meus senhores, a culpa não é nossa, é vossa, pois existe uma solução fácil e com grande aderência popular... querem saber qual é??? Pois é simples, FAÇAM UM LOTARIA ANUAL DA FACTURA!!! OFEREÇAM 2.000.000€ ou 1.000.000€ que seja a quem tiver o numero da factura sorteada, vão ver o que é o pessoal a pedir facturas, afinal, quantos mais pedirmos, mais hipóteses temos de ganhar, até as dos simples cafés pediamos ( eu aqui falo por mim ).

1.3 - Amigos, olhem para os sinais exteriores de riqueza ( isto não é novo ), como é que é possivel, e vocês se quiserem têm acesso, haver tantas vivendas, carros novos topo de gama, etc... quando existem IRS e IRC´s miseráveis, vejam quem foi a pessoa que mais pagou estes impostos e vejam se não há outros com fortunas bem maiores!

2 - Desemprego / Emprego

2.1 - 600.000 mil desempregados e a subir! Subsidios de desemprego a custarem balurdios dos cofres do estado, a segurança social a entrar em banca routa, e eu a ver tantos anuncios todo o santo dia nos classificados...

Meus amigos, para mim existem montes de coisas que estes senhores que estão no desemprego à mais de ano e meio podiam fazer, querem saber o quê???

Limpeza de florestas, trabalho comunitário ( em lares infantários, escolas, museus... ) limpeza das praias antes da abertura de cada temporada, ajuda aos bombeiros com logistica na época de fogos. Trabalho de arquivo em tribunais, finanças, inspecção ( usem os 60.000 licenciados no desemprego para o fazer ) ... Quanto é que isto ia custar, pergunta-me vocês????

Exactamente o mesmo que vos custa agora... esses senhores que estão à mais de ano e meio no fundo de desemprego, muitos deles recusaram as 3 ou mais propostas de trabalho resultantes de entrevistas, não fazem as formações que os centros de emprego pontualmente organizam... meus amigos, eles não querem é trabalhar, ou melhor, até trabalham, mas ganham por fora, sem fazerem descontos...

2.2 - A politica do estado empregador, a meu ver não é má, desde que seja idêntica à dos trabalhadores por conta de outrem, senhores, eu vou às finanças, perco 1 dia, o meu patrão mesmo que eu justifique desconta-me esse dia, trabalho 8 horas diárias, quando não trabalho mais ( mas isso é problema meu ), e um funcionário publico, juizes, professores, técnicos de finanças, secretários, etc, etc... vocês sabem melhor as áreas do que eu, chegam às 16h e desligam... trabalham 26 horas semanais e não podem fazer mais 1 ou 2 pois a profissão é de desgaste???? Mas que raio, eu na minha tenho de esperar por eles e pelos outros, mesmo depois da hora, e se eu chegar 1 segundo depois das 4h às finanças, já retiraram as senhas que me permitiam ser atendido... possivelmente noutro dia, tendo eu de pedir nova folga ao meu patrão, receber menos 1 dia, trabalhar menos e com isso não PRODUZIR para ajudar a ecónomia do país!!!

Solução? Os licenciados, as pessoas com habilitações literárias minimas para cada profissão, que estão neste momento à procura de trabalho no fundo de desemprego, deixavam de o receber, passando...

lê o resto em http://terroret.blogs.sapo.pt

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Sugestões de Leste

. Algo mais...

. Reparos

. A Droga e o Governo

. Espaço Xenofobia

. Consequência

. Bom Ambiente

. Manifestações

. Um País anestesiado

. “Navegar é preciso”

.arquivos

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.links

M560_1.jpg
blogs SAPO

.subscrever feeds